O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou que irá anunciar nos próximos dias novas medidas para refrear a violência com armas de fogo.

As ações, segundo Obama, serão consistentes com a segunda emenda da Constituição norte-americana. Na última semana, a procuradora-geral dos EUA, Loretta Lynch, entregou um relatório ao presidente com as medidas que ele pode tomar unilateralmente.

“A boa notícia é que não apenas essas ações estão dentro do alcance legal da autoridade legal do Executivo, como também são as que a imensa maioria da população, inclusive os portadores de armas, apoiam e acreditam”, disse. “Anunciaremos elas nos próximos dias”.

Para Obama, nenhuma ação do Executivo pode prevenir toda a violência. Ainda assim, essas medidas tem potencial para “salvar vidas e poupar famílias da dor e da perda extraordinária” desses acontecimentos. Fonte: Dow Jones Newswires.