Uma mulher que foi atacada por um urso quando caminhava com seu cachorro quatro semanas atrás morreu em razão das complicações de seus ferimentos. Os familiares de Lana Hollingsworth, de 61 anos, disseram que ela morreu nesta segunda-feira no hospital de Scottsdale após passar por várias cirurgias depois do ataque de 28 de junho.

A KTVK-TV informou que os médicos acreditam que uma bactéria desconhecida, possivelmente presente na pata do urso, provocou uma infecção que eles não conseguiram controlar. A teoria é de que a infecção pode ter causado uma hemorragia.

O filho de Hollingsworth, Robert Oates, disse que o urso negro basicamente arrancou o couro cabeludo de sua mãe quando ela caminhava com seu cachorro nas proximidades de sua residência de férias em Pinetop. O urso estava virando latas de lixo perto do Pinetop Lakeside Country Club. Policiais florestais usaram cachorros para encontrar e matar o urso.

As informações são da Associated Press.