Uma autoridade de segurança da cidade de Sirte, na Líbia, informou neste sábado que atiradores ligados à Al-Qaeda tomaram o controle de estações de rádio e TV na região. De acordo com o oficial, os ataques ocorreram na quinta-feira, após os militantes do grupo Ansar al-Sharia ameaçarem a estação para que parasse de transmitir música.

O grupo, considerado uma organização terrorista pelos Estados Unidos, é acusado de envolvimento em um ataque de 2012 contra uma missão norte-americana em Bengasi. A facção da milícia instalada na região de Derna jurou aliança ao Estado Islâmico. Fonte: Associated Press.