O garoto Yamato Tanooka, de sete anos, que estava desaparecido há seis dias, foi encontrado hoje num campo de treinamento militar abandonado na ilha de Hokkaido. Os pais de Yamato, numa tentativa de disciplinar o menino, fizeram-no descer do carro quando estavam no extremo norte da ilha, perto de uma floresta dominada por ursos, e quando voltaram para buscá-lo minutos depois ele havia desaparecido.

Segundo o soldado que o encontrou, o menino parecia um pouco cansado, mas estava saudável e com fome. A cabana militar na qual ele ficou abrigado não tinha aquecimento, energia ou comida, mas Yamato se aconchegou entre colchões no chão e bebeu água de uma torneira do lado de fora da cabana durante os seis dias.

O menino estava desidratado e tinha alguns arranhões nos braços e nos pés, mas não apresentava nenhum risco sério à saúde. Ele foi transportado de helicóptero até o hospital mais próximo.

As autoridades militares expressaram admiração pela perseverança do menino, uma vez que o local onde ele foi encontrado era muito longe de onde os pais o haviam deixado e tinha uma subida íngreme no caminho.

O pai de Yamato pediu desculpas e agradeceu a todos os envolvidos na busca pelo filho. Ele também prometeu ser um pai melhor. “Nós sempre o criamos com amor”, disse Takayuki Tanooka, contendo as lágrimas. “Eu realmente não achei que chegaria a esse ponto. Fomos longe demais”. Fonte: Associated Press.