O senador pelo Arizona John McCain venceu as primárias republicanas na Flórida, superando o ex-governador de Massachusetts Mitt Romney, segundo projeção das TVs americanas com base em resultados parciais. O triunfo dá a McCain um grande impulso para a Superterça, dia 5 – quando serão realizadas primárias republicanas em 21 Estados -, principalmente porque mostra que ele tem apelo também na base do partido e não depende somente dos eleitores independentes.

Apurados 79% dos votos, McCain tinha 36% e Romney, 31%. O ex-prefeito de Nova York Rudolph Giuliani vinha num distante terceiro lugar, com 15%, seguido de perto pelo ex-governador de Arkansas Mike Huckabee, com 14%. Com isso, cresce a expectativa de que Giuliani abandone a disputa. Já Huckabee afirmou que seguirá em frente.

Durante a campanha na Flórida, McCain apostou em suas credenciais de política externa para conquistar eleitores no Estado, que tem forte presença militar. Daqui para a frente, o senador também contará com a vantagem de ser percebido pelos eleitores republicanos como o mais ?elegível?, ou seja, o único candidato do partido que conseguiria derrotar a senadora democrata Hillary Clinton nas eleições de novembro.