Líderes políticos estão reunidos em Portugal nesta quinta-feira numa tentativa de chegar a um acordo para manter a coalizão governista do país.

As conversas ocorrem após as renúncias dos ministros de Finanças e de Relações Exteriores, que impulsionaram os custos de financiamento do país e ameaçaram reativar a crise fiscal da zona do euro.

O primeiro-ministro Pedro Passos Coelho está reunido com o parceiro de coalizão e líder do Centro Democrático e Social – Partido Popular (CDS-PP), Paulo Portas, para tentar superar divergências em relação às medidas de austeridade que Portugal vem implementando como parte de seu programa de ajuda de 78 bilhões de euros. Portas anunciou sua renúncia como ministro de Relações Exteriores na última terça-feira.

Ontem, o CDS-PP afirmou estar disposto a negociar com Passos Coelho para preservar a coalizão. Dois outros ministros do partido decidiram permanecer no governo. O premiê e Portas tiveram uma reunião “muito construtiva” na noite de quarta-feira, segundo uma fonte. Fonte: Dow Jones Newswires.