O presidente Mahmoud Abbas pediu à Liga Árabe que providencie US$ 100 milhões por mês em financiamento de emergência aos palestinos, depois que Israel decidiu congelar a transferência de impostos devidos à Autoridade Palestina.

Israel faz uma retaliação à tentativa palestina de se juntar ao Tribunal Internacional de Justiça. O país deteve o envio de cerca de US$ 120 milhões em impostos que coleta em nome dos palestinos ao governo de Gaza, o que forçou a Autoridade Palestina a não pagar os salários de seus 153 mil empregados.

Durante a reunião desta quinta-feira com ministros de Relações Exteriores da Liga Árabe, Abbas também pediu a formação de um comitê para produzir uma nova resolução, a ser votada nas Nações Unidas, que peça o fim da ocupação israelense. Uma tentativa similar foi rejeitada no mês passado. Fonte: Associated Press.