O presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, ampliou a liderança diante de seu principal rival, o ex-ministro de Relações Exteriores Abdullah Abdullah, nas eleições do país, segundo resultados parciais divulgados hoje. Karzai tem 44,8% dos votos apurados até agora, enquanto Abdullah aparece com 35,1% – na primeira prévia, Karzai tinha apenas dois pontos porcentuais à frente do adversário. A parcial é baseada em 17% das urnas, o que ainda dá margem a grandes mudanças. Se conseguir metade mais um dos votos, Karzai irá evitar a disputa de um segundo turno das eleições presidenciais.

De acordo com a Comissão Eleitoral Independente, as parciais serão divulgadas diariamente, mas o resultado final sairá apenas no meio de setembro, pelo menos. A eleição realizada na última quinta-feira é a segunda votação direta para presidente da história do Afeganistão e foram marcadas por denúncias de fraude e ameaças da milícia fundamentalista Taleban. Abdullah, acusou o presidente de fraude generalizada, mas Karzai nega qualquer irregularidade. Militantes realizaram dezenas de ataques pelo país, levando ao fechamento de algumas seções eleitorais no dia da votação.