O governo da Itália aprovou a liberação de 50 milhões de euros em ajuda às áreas atingidas pelo terremoto que devastou cidades no país nesta semana, afirmou o primeiro-ministro italiano Matteo Renzi.

Segundo Renzi, esses recursos são uma ajuda inicial às comunidades atingidas pelo tremor de terra que deixou centenas de mortos.

“Essas são medidas iniciais, os primeiros sinais de atenção”, disse o premiê, acrescentando que as pessoas das regiões afetadas terão benefícios tributários, sem dar detalhes sobre o assunto. Fonte: Dow Jones Newswires.