O Exército de Israel prendeu novamente hoje um parlamentar do Hamas, Mohammed Jamal al-Natsh, meses após ele ser libertado da prisão, informaram funcionários de segurança palestinos. Natsh foi preso na cidade de Hebron, no sul da Cisjordânia, cinco meses após ser liberado da cadeia. Ele havia passado cinco anos preso, segundo funcionários palestinos, durante os quais concorreu com sucesso a uma vaga no Parlamento.

Os militares israelenses confirmaram a prisão de alguns palestinos em Hebron, mas não deram detalhes sobre quem havia sido preso, nem os motivos para isso. Israel tem prendido nos últimos meses dezenas de parlamentares do Hamas que já haviam sido detidos em 2006, após militantes da Faixa de Gaza sequestrarem o soldado israelense Gilad Shalit. O militar permanece cativo e o Hamas exige a libertação de centenas de prisioneiros palestinos em troca de Shalit.

No total, Israel prendeu 64 membros do Hamas após a captura de Shalit, ocorrida em 25 de junho de 2006. As conversas entre o Hamas e Israel sobre o soldado, mediadas pelo Egito e pela Alemanha, chegaram a um impasse no final de 2009. As informações são da Dow Jones.