As forças militares de Israel descobriram um túnel, cavado a partir da Faixa de Gaza, controlada pelo Hamas. As autoridades disseram acreditar que militantes pretendiam usar o túnel para atacar ou sequestrar israelenses.

Em resposta, os militares congelaram a transferência de materiais de construção para o território palestino. Um porta-voz militar do Hamas em Gaza, Abu Obeida, minimizou a descoberta e disse, em seu Twitter, que mais “milhares” de túneis serão feitos.

De acordo com os militares israelenses, o túnel tem 2,5 quilômetros de comprimento e aparentemente foi cavado recentemente e estava em uso até ser descoberto, na semana passada. Eles disseram que aguardaram uma semana para tornar pública a história porque buscavam explosivos.

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, elogiou a descoberta do túnel e disse que a política de Israel em relação à Faixa de Gaza resultou no “ano mais tranquilo em mais de uma década” ao longo da fronteira entre Israel e Gaza. Fonte: Associated Press.