O Senado francês aprovou definitivamente a medida principal da reforma para aumentar a idade de aposentadoria de 60 anos para 62 anos no país, durante votação na noite de hoje (horário local). Outros pontos da proposta, incluindo a elevação da idade da pensão completa do Estado para 67 anos, continuam a ser votados, e as deliberações do Senado estão previstas para durar até 15 de outubro. O governo espera que a reforma seja aprovada em sua totalidade até ao fim deste mês.

Os trabalhadores da companhia ferroviária estatal SNCF e do sistema de transporte público de Paris, bem como os setores do gás e da eletricidade vão entrar em greve na próxima terça-feira contra a proposta, no quarto dia de protestos em pouco mais de um mês na França. Manifestantes tomaram as ruas durante dois dias de protestos em setembro e também no dia 2 deste mês. As informações são da Dow Jones.