Um incêndio atingiu hoje o reator 4 da usina de Daiichi, em Fukushima, no nordeste do Japão, e provocou vazamento radioativo. O órgão regulador de usinas nucleares do país informou também que há dois buracos de oito metros quadrados no exterior do reator.

A Agência de Segurança Nuclear e Industrial do Japão está considerando jogar água no reator 4 para evitar mais emissão de radiação. A hipótese foi considerada depois de a Tokyo Electric Power (Tepco), que opera a usina, afirmar que a água no reator está fervendo, segundo a agência de notícias Kyodo. “Nós estamos considerando acrescentar água” ao contêiner do reator número 4, onde o combustível liberado geralmente fica submerso em água com profundidade de quase 10 metros, afirmou o órgão.

Uma explosão atingiu o reator 2 da usina nuclear de Daiichi às 6h10 de hoje (horário local). De acordo com informações da agência Kyodo, houve danos à estrutura de contenção do reator. Ontem, já havia ocorrido uma explosão no reator 3 da usina, em seguida a uma explosão no reator 1 no sábado. As informações são da Dow Jones.