Um cano de vapor de alta pressão explodiu em uma central de energia no centro da China, nesta quinta-feira, o que matou 21 pessoas e deixou cinco feridos, segundo um jornal estatal. A explosão ocorreu em uma estação elétrica na cidade de Danyang, segundo o site do jornal Diário de Hubei.

De acordo com a publicação, autoridades seguiram para o local para monitorar os esforços de resgate e a causa da explosão é investigada.

A China continua a sofrer com acidentes frequentes na indústria, apesar de o governo central determinar melhorias nas seguranças das fábricas, centrais energéticas e minas.

Os esforços oficiais para lidar com a questão foram impulsionados há um ano, após uma série de explosões em um depósito químico na cidade de Tianjin, no leste chinês, deixar 173 mortos, na maioria bombeiros e policiais, em um dos mais graves acidentes em locais de trabalho da história chinesa. Em junho, um acidente em uma refinaria de alumínio no centro da China deixou 11 trabalhadores mortos. Fonte: Associated Press.