Um forte sistema de tempestades chegou ao norte da Califórnia neste domingo, trazendo a ameaça de inundações e avalanches, enquanto a Costa Leste dos Estados Unidos se recuperou da primeira tempestade de inverno de 2017, que deixou estradas congeladas, provocou grandes volumes de neve em algumas áreas e causou pelo menos três mortes.

Uma corrente de tempestades do leste do Pacífico atingiria o centro e norte da Califórnia e deveria provocar chuva e neve nas áreas mais elevadas da Sierra Nevada.

O sistema de tempestades poderia atingir a região com forte precipitação até quarta-feira, segundo os meteorologistas.

“Não temos um inverno como este em 10 anos”, disse Tony Fuentes, meteorologista do Serviço Meteorológico Nacional em Reno, Nevada. “Há muita chuva vindo pelo norte da Califórnia. Qualquer tipo de rio, riacho ou áreas baixas pode ver algumas enchentes.”

Eram esperadas chuvas fortes pelos vales de Sacramento e de San Joaquin. O rio Truckee, que flui através do centro de Reno, deve chegar ao estágio de enchentes neste domingo. O Sierra Avalanche Center emitiu um aviso de avalanche para a área em torno de Lake Tahoe, dizendo que o risco de avalanches naturais e provocadas pelo homem era alto em todas as elevações.

Em Nevada, o governador Brian Sandoval declarou estado de emergência na noite de sábado, já que há risco de inundações em áreas no noroeste do Estado a partir deste domingo. Moradores foram aconselhados a ficar em casa se possível. “Isso não é uma dúvida, isso vai acontecer”, disse o governador. “Nós temos o benefício de saber que isso vai acontecer e sermos capazes de nos preparar para isso.”

O clima severo que atingiu o extremo oposto do país quase ao mesmo tempo foi atribuído a um sistema de tempestades muito diferente.

No leste dos EUA, a tempestade se moveu pela costa e cobriu a Nova Inglaterra com neve na noite de sábado, depois de ter causado congelamentos até o Mississippi. O sistema despejou mais de 1 pé (30,48 cm) de neve em partes da Carolina do Norte, mas várias cidades, incluindo Atlanta, foram poupadas de graves problemas.

Na manhã de domingo, o Serviço Meteorológico Nacional em Boston relatou observações de 19,5 polegadas (49,53 cm) de neve em East Bridgewater, Massachusetts, perto da costa do Atlântico. Em Boston, os totais de neve estavam mais próximos de 8 polegadas (20,32 cm) na manhã de domingo.

Na cidade de Nova York, havia mais de 5 polegadas (12,7 cm) de neve acumulada em Central Park até a meia-noite de sábado, de acordo com a meteorologista Faye Barthold, do Serviço Meteorológico Nacional. O aeroporto de LaGuardia teve 7 polegadas (17,78 cm), enquanto o aeroporto internacional John F. Kennedy registrou 8 polegadas (20,32 cm).

Centenas de acidentes de trânsito foram atribuídos à tempestade, incluindo três que causaram mortes, e milhares ficaram sem energia em vários Estados. As três mortes atribuídas ao clima adverso incluíram um homem morto em Kentucky, quando sua caminhonete saiu de uma estrada na quinta-feira, e um estudante da Georgia State University que morreu depois de um acidente com seu utilitário esportivo na Interstate 75, no condado de Monroe. Em Virgínia, um homem morreu depois que seu SUV saiu da estrada e virou em um riacho. Fonte: Dow Jones Newswires.