O ex-candidato republicano à Presidência, Mitt Romney, afirmou a diversos doadores de campanha que está considerando uma terceira corrida à Casa Branca, em decisão que surpreendeu seus mais leais apoiadores e ex-funcionários, após afirmar durante meses que sua carreira na política havia se encerrado.

Romney participou de uma reunião com doadores nos escritórios de Woody Johnson, um de seus principais apoiadores e dono do time de futebol americano New York Jets, afirmam pessoas com conhecimento direto a respeito do evento à Associated Press. Segundo uma delas, que participou da reunião, cerca de 15 dos mais generosos doadores de Romney compareceram ao encontro, marcado sob o pretexto de uma discussão aberta entre amigos.

Diversos dos financiadores de campanha que participaram do evento já se comprometeram com outros candidatos à corrida presidencial de 2016, mas abriram espaço para ouvir Romney. Alguns deles foram surpreendidos quando o republicano sugeriu que estava considerando participar das eleições pela terceira vez, enquanto outros questionaram o que Romney faria de diferente, visto que em 2012 ele enfrentou problemas para se conectar aos votantes da classe média.

Perto do fim do encontro, que durou cerca de uma hora, Romney afirmou aos antigos aliados que devem repercutir a informação com amigos de que uma campanha em 2016 está sendo seriamente considerada. O político também afirmou que sabe que terá de agir rápido se quiser concorrer ao cargo máximo do Executivo no país.

Romney enfrentou o presidente Barack Obama nas eleições de 2012 e há meses afirma que não tem intenções de concorrer à Casa Branca novamente. Em 2008, ele tentou ser o candidato principal do Partido Republicano, mas perdeu o posto para John McCain. Fonte: Associated Press.