A embaixada de Israel no Reino Unido pediu desculpas após um funcionário ter gravado uma mensagem dizendo que queria derrubar um ministro do governo britânico que criticou a construção de assentamentos israelenses na Cisjordânia.

O jornal inglês Mail on Sunday publicou imagens do funcionário Shai Masot dizendo que o ministro do Exterior do Reino Unido, Alan Duncan, estava causando “muitos problemas”. O encontro entre Masot e um assessor de um legislador conservador britânico foi filmado secretamente por um jornalista da rede de TV Al-Jazeera do Catar.

Masot também foi ouvido chamando o Ministro para Assuntos Externos, Boris Johnson, de “um idiota”, mas acrescentando que ele é “basicamente bom”.

A embaixada de Israel disse, em um comunicado, que os comentários eram “completamente inaceitáveis” e que o embaixador israelense no Reino Unido, Mark Regev, pediu desculpas formalmente a Duncan. A embaixada também afirmou que Masot seria demitido “em breve”. Fonte: Associated Press.