Charadas & Quejandos

HOMENAGEM À INTELIGÊNCIA DO LEITOR

Seção para divulgar e popularizar charadas e enigmas. Os trabalhos sem informe de fonte ou crédito de autoria, são obras do redator. As parciais que se referem a termos de acepção diferente do enunciado, estão entre parênteses; entre asteriscos, quando prefixos ou sufixos.

01 – LOGOGRIFO EM PROSA

AGRADECIMENTO

E CONVITE

Graças a parecer favorável (3-8-2) deste jornal, podemos solenizar (2-1-2-8-5-4-5) este espaço como a nova pátria (3-1-5-7-8) do enigmismo; rompendo o juízo obtuso (5-8-2-3-8) de que charadismo é coisa sem valor (3-6-5-5-8).

Em boa hora (1-2-3-8-5-4) digo como um jovem (2-8-7-8): você vai deixar de boiar (5-1-2-6-5) sobre o tema e manjar (2-8-5-4-5) tudo sobre o assunto.

O futuro depende do trabalho (3-5-6-7-8) e da união (4-3-5-6-7-8) que nos dará força (6-7-8); em favor (3-1-2) de todos, vou pedir (8-5-4-5) que sem delonga (3-8-5-6) remeta sua CHARADA para honrar a seção.

AFERÉTICAS (ABC, BC)

02 – Está havendo excesso de tolerância com irregularidades de administradores, na associação com bancos falidos. (3,2)

03 – Para aplicar o golpe do bilhete premiado o vigarista precisa transmitir confiança ao otário, que se julga esperto. (3,2)

04 – Não estava habituado a beber; fazia careta ao tomar qualquer bebida espirituosa, em especial aguardente de vinho. (3,2)

05 – É preciso castigar todo o pecador para que o mesmo consiga ?espiar? a sua culpa. (3,2)

06 – Quando toma cachaça não entende coisa alguma. (3,2)

EPENTÉTICAS (AB, ACB)

07 – Seu valoroso feito mereceu amplo espaço na imprensa internacional. (2-3)

08 – Pelo seu procedimento mostrava ser indivíduo prestes a descobrir a pedra filosofal. (2-3)

09 – O manual recomenda amarrar muito bem o prisioneiro, como forma de limitar suas chances de fuga. (2-3)

10 – Os vivaldinos, pessoas muito espertas, não encontram dificuldades para subirem na vida. (2-3)

11 – Por ?princípio? não usa remédio de farmácia. (2,3)

METAMORFOSEADAS (5,4 = abcde, abcme)

12 – À ralé não se permitem ?dengues?. (4,2)

13 – O dedo-duro age levado por pretexto infame. (6,1)

14 – Para agradável viagem de férias, verifique a correta direção já no início do caminho. (7,2)

15 – Nesta época de emprego raro, senti-me pesaroso em romper o ajuste de serviços temporários. (8,6)

16 – É penoso viver sem vaidade, sem nada de que se orgulhar. (7,3)

17 – Toda corrupção deve ser levada ao tribunal. (7,6)

18 – O tremor do vistoso leque denunciava sua emoção. (5,4)

19 – Ao final da contagem dos votos, por um dos mesários foi dito quem fora escolhido. (9,3)

20 – Perdia a cabeça quando via uma moça. (7,6)

21 – Era inferior; era matuto e também azarado. (7,5)

22 – Trabalha no Butantã; sua profissão é cuidar de serpente. (6,4)

23 – Diferente dos demais, mantinha um ?proceder? peculiar. (8,8)

24 – Você desfila sem pressa pela calçada,

Tropeça, estatela-se no chão. Que tragédia!

Você desfila devagar pela calçada.

Vê alguém tropeçar e cair. Que comédia! (5,2)

25 – Corregedoria em cada um dos ministérios,

Para ver interesses, mutretas, mistérios,

Causa justa reclamação dos funcionários:

– É mais gente com quem dividir honorários. (9,6)

26 – LOGOGRIFO EM PROSA

RECADO PARA DANDI

Se você prima pela elegância (4-3-11-6-8-9-10) em todo o lugar (12-7-4-11-2), fique de plantão (8-9-5-3-4-2) no noticiário político, que traz a moda íntima masculina.

A sensual (8-9-10-6-4-10) cueca porta-dólares também é eficaz (1-3-2-6-4-5) no uso com outras cédulas (6-2-4-5-12).

A grife testa-de-ferro (4-7-4-10-3-10) oferece modelo único, com tudo que (8-9-5-6-4-2) facilite até câmbio.

E atendendo o choro (1-3-5-6-4-2) de todo velhaco (4-3-5-12-4-10) deprimido (4-3-11-12-4-10) por se julgar excluído, de puro (12-5-6-4-2) algodão e a preço popular, vem a sunga NIQUELEIRA. (12 L)

SOLUÇÕES: 01 – embaraço; 02 – profusão/fusão; 03 – pespegar/pegar; 04 – munganga/ganga; 05 – perseguir/seguir; 06 – danada/nada; 07 -ato/aberto; 08 – ato/adepto; 09 – atar/acurtar; 10 – alhos/abrolhos; 11 – boca/botica; 12 -lixo/luxo; 13 – objeto/abjeto; 14 – entrada/estrada. 15 – contrito/contrato; 16 – molesto/modesto; 17 – estrago/estrado; 18 – abalo/abano; 19 -proferido/preferido; 20 – cachola/cachopa; 21 – caipira/caipora; 22 – ofício/ofídio; 23 – originar/original; 24 – plano/piano; 25 – proveitos/proventos; 26 – porta-níqueis.

***

Críticas, sugestões e colaborações, com nome e endereço completos para fins de cadastro (válido o uso de pseudônimo na publicação), devem ser remetidas à Rua João Tschannerl, 800, Jardim Mercês, Curitiba/PR – CEP 80820-010. Os trabalhos, publicados ou não, serão propriedade deste jornal.