Um hotel usado para quarentena de pessoas com possíveis casos de coronavírus desabou na China, na cidade de Quanzhou, província de Fujian. Cerca de 70 pessoas ficaram presas sob os escombros do prédio.

Segundo autoridades de Quanzhou, 34 pessoas já foram resgatadas.

O hotel Xinjia desabou por volta das 19h30, em horário local. Com 80 quartos, o hotel foi transformado, recentemente, em um ponto de acolhida e de quarentena para pessoas que tiveram contato com pacientes com o covid-19, segundo informações da mídia estatal chinesa.