Combates de tropas aliadas etíopes e somalis contra os rebeldes islâmicos na capital da Somália, Mogadíscio, deixaram 81 mortos e 119 feridos neste fim de semana, segundo a organização de direitos humanos Elman.

Os confrontos são os mais violentos em dois meses de conflito, de acordo com os dados divulgados neste domingo. O governo somali vem tentando expulsar os rebeldes da capital desde 2006.