O ministro das Relações Exteriores de Israel, Avigdor Lieberman, boicotou o discurso de ontem do presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Parlamento israelense. A informação foi divulgada na noite de ontem no site do jornal local “Haaretz”.

Lieberman também não estava presente em um encontro entre Lula e o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, informou o diário. O boicote ocorreu em razão de Lula ter se recusado a visitar o túmulo de Theodore Herzl (1860-1904), fundador do movimento sionista, segundo o diário. As informações da Dow Jones.

Abbas

Lula, que está em viagem ao Oriente Médio, se reunirá hoje com o presidente da Autoridade Nacional Palestina, Mahmoud Abbas, e com o primeiro-ministro palestino, Salam Fayyad, em Belém, onde visitará a Basílica da Natividade.

Pela manhã, em Jerusalém, Lula visitou o Museu do Holocausto, depositou uma coroa de flores sobre uma lápide, onde estão depositadas as cinzas de judeus mortos no campo de Majdanek, na Polônia, e plantou uma oliveira no Bosque de Jerusalém. Ainda hoje, Lula vai participar do encerramento de encontro empresarial Brasil-Palestina e de jantar oferecido por Abbas.