Pelo menos duas explosões foram ouvidas na capital afegã, Cabul, nesta quarta-feira, pouco depois de o presidente dos EUA, Barack Obama, fazer uma visita surpresa àquele país.

Uma dessas explosões foi causada por um carro-bomba, conduzido por um suicida, que atingiu uma área da estrada de Jalalabad, que abriga várias bases militares estrangeiras, disse o chefe de polícia de Cabul, Mohammad Ayoub Salangi.

Não há informações sobre quais eram os alvos e se há feridos, disse Salangi.

A embaixada dos Estados Unidos disse que estava “sob bloqueio”, e advertiu funcionários a se protegerem e permanecerem distantes das janelas.

Mais cedo, Obama aterrissou em Cabul em meio a forte esquema de segurança e sigilo, onde assinou um acordo com o presidente afegão, Hamid Karzai, consolidando 10 anos de ajuda dos EUA ao Afeganistão, após a saída das forças de segurança da Otan, o que deverá ocorrer em 2014. O Taleban assumiu a autoria dos atentados, segundo fontes locais. As informações são da Dow Jones.