Pelo menos um pessoa morreu hoje após um atirador abrir fogo em uma fábrica de Fresno, na Califórnia, nos Estados Unidos, no mesmo dia em que o país decide seu novo presidente.

O incidente ocorreu por volta das 8h locais (14h em Brasília) dentro da fábrica de processamento de frangos Valley Protein Farms, em uma área industrial na periferia da cidade, quando um homem invadiu a empresa e disparou contra os funcionários.
O atirador, identificado como Lawrence Jones, tentou se matar após o tiroteio, mas está internado em estado grave. Outras três pessoas foram baleadas e encaminhadas ao hospital. Dessas, duas correm risco de morte.

A polícia acredita na hipótese de vingança do atirador contra um funcionário da fábrica, que foi morto As ruas próximas à indústria foram fechadas pelos policiais para perícia.

Com 60 funcionários, a fábrica foi fundada em 2005. O jornal “Sacramento Bee” informou que a empresa, através da caixa postal de seus telefones de contato, comunica que foi fechada “devido a uma emergência”.