Em uma série de atentados, 14 pessoas morreram nesta quarta-feira no Iraque. Os tiroteios e atentados atingiram a capital, Bagdá, e outras partes agitadas do norte e do oeste, deixando dezenas pessoas feridas, disseram autoridades de segurança e médicos que falaram em condição de anonimato com jornalistas.

O mais mortal dos ataques desta quarta-feira ocorreu na cidade de Tuz Khurmatu, onde cinco pessoas morreram em uma explosão, sendo quatro da mesma família. Onze pessoas ficaram feridas nesse atentado. Em outro atentado, na cidade de Fallujah, três pessoas morreram.

A onda de violência ocorreu um dia depois de a ONG Human Rights Watch criticar o governo iraquiano por, possivelmente, violar as leis de guerra ao bombardear os principais hospitais do país. Fonte: Dow Jones Newswires.