Um carro-bomba detonado hoje por um suicida em uma delegacia na cidade de Samarra, no centro do Iraque, matou 12 policiais e feriu pelo menos 22, segundo informou a polícia. Os policiais atacados haviam sido despachados para a cidade há duas semanas, para ajudar a proteger peregrinos xiitas.

Um membro do conselho provincial da área, Niyaz Oglu, disse que a Al-Qaeda organizou o ataque. Mas até o momento nenhum grupo reivindicou a autoria do atentado. A Al-Qaeda e outras organizações sunitas consideram os xiitas hereges e inimigos. As informações são da Associated Press e da Dow Jones.