Autoridades da Alemanha avaliam a autenticidade de um vídeo atribuído à Al-Qaeda, no qual um militante ameaça o país devido à presença de soldados alemães no Afeganistão.

O vídeo, datado de outubro de 2008, apresenta um homem que se identifica como “Abu Talha, o alemão”, cuja face está coberta por um turbante preto. O indivíduo diz que a Alemanha – que possui mais de 3.300 soldados no Afeganistão – é a maior presença militar no país depois dos EUA e da Inglaterra.

“Se os alemães acreditam que podem ser o terceiro maior fornecedor de soldados impunemente, então os políticos do parlamento não são adequados”, afirma o indivíduo em alemão fluente, mas com um pouco de sotaque. Ele não formula nenhuma ameaça mais específica, mas comenta que deseja explodir a si mesmo em nome de Alá desde 1993.

Segundo um porta-voz do departamento federal de polícia da Alemanha, Christian Brockert, o vídeo ainda estava sendo avaliado pelas autoridades de segurança. As informações são da Associated Press.