O serralheiro Joabe Severino Ribeiro, de 36 anos, e o eletricista Luis Fernando Pereira, de 37, responderão a processo criminal pelo assassinato de Leandro Donizete de Oliveira, Eliana Faria da Silva e o filho do casal, Vinicius Faria de Oliveira, em Bragança Paulista, no interior de São Paulo. O juiz da 2ª Vara Criminal da cidade, Marco Mattos Sestini, aceitou ontem a denúncia oferecida pelo Ministério Público Estadual (MPE). Ele também manteve a prisão preventiva dos acusados e marcou audiência para o dia 23.

O MP vai pedir 90 anos de prisão para os dois, acusados de roubo triplamente agravado (emprego de arma de fogo, meio cruel e morte de vítimas), três latrocínios (roubo seguido de morte) e tentativa de latrocínio contra Luciana Michele Dorta, de 27, duplamente agravada (arma de fogo e meio cruel). A dupla é acusada de incendiar um veículo com as quatro vítimas dentro após tentativa de assalto. Única sobrevivente, Luciana está internada em estado grave.