Motoristas de vans que transportam
crianças receberão um curso do governo.

Este ano motoristas do transporte escolar vão ajudar no combate às drogas. O secretário de Estado da Justiça e Cidadania, Aldo Parzianello, explica que esses profissionais são aliados importantes. Eles apresentam uma relação de amizade e confiança com crianças e adolescentes. O convênio com o Sindicato das Operadoras de Transporte Escolar foi assinado hoje, em Curitiba. As aulas de capacitação para os motoristas devem começar sábado.

Curitiba conta hoje com 890 carros, transportando cerca de 45 mil estudantes do ensino fundamental. Para a motorista Marly Terezinha Wolfesgrau, a iniciativa deve dar certo. Ela diz que é comum eles conversarem sobre vários assuntos no trajeto até a escola. “Em muitos casos, até nos tornamos confidentes”, fala.

Parzianello diz que as estatísticas brasileiras sobre o assunto são alarmantes. De cada dez crianças, pelo menos três já tiveram algum contato com as drogas. O secretário aposta na amizade com os motoristas para melhorar as estatísticas. As aulas de capacitação vão ser dadas pela coordenadoria anti-drogas e vão ter duração de oito horas. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)