As ações integradas para promover em 2006 o desenvolvimento em cinco mesorregiões, nove regiões do semi-árido e em cinco áreas da faixa de fronteira serão definidas hoje em um encontro do Grupo de Trabalho Interministerial (GTI) de Programas Regionais, composto de representantes de 23 ministérios e secretarias especiais. Coordenada pela Secretaria de Programas Regionais (SPR), do Ministério da Integração Nacional, a reunião começa às 14h30 no Hotel Carlton.

No ano passado, segundo o ministério, foram investidos R$ 2,5 bilhões para a melhoria das condições de vida nessas localidades. As mesorregiões definidas pelo governo são as do Alto Solimões (AM), Vale do Jequitinhonha e Mucuri (BA e MG), Chapada do Araripe (PE, CE e PI), Grande Fronteira do Mercosul e Metade Sul do Rio Grande do Sul. O semi-árido engloba parte dos estados nordestinos e o extremo norte de Minas Gerais. Já as áreas de fronteira abrangem municípios do Amazonas, Paraná, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.