O técnico Mário Sérgio já fala em tom de despedida do Atlético e pode até deixar o clube após o jogo de amanhã. Independente do resultado da partida contra o Cruzeiro, o treinador está propenso a largar o comando do time, descontente com os rumos que o Rubro-Negro trilhou nas últimas semanas. 

A dispensa de seu auxiliar-técnico e homem de confiança, Eudes Pedro, e o aparente abandono por parte da diretoria o deixaram em uma situação desconfortável à frente da equipe. Informações de bastidores dão conta de que outras equipes já fizeram proposta e estariam dispostas a pagar uma eventual multa rescisória. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)