Eterno camisa dez do futebol argentino, o ex-jogador Diego Armando Maradona será internado num hospital psiquiátrico na próxima semana, segundo informou hoje o médico particular do argentino, Alfredo Cahe.

"Diego está tomando consciência da gravidade de seu quadro. Contamos-lhe tudo. Ele não tinha idéia de até onde o álcool o levou, além dos problemas e dores que sofreu, como choques, desmaios e vômitos", explicou o médico durante entrevista em Buenos Aires.

Cahe ainda disse que os exames de Maradona mostraram que ele está se normalizando lentamente e que está mais comunicativo.

O médico também contou que o ex-jogador está aceitando o tratamento e, aos poucos, percebendo que precisa ser encaminhado para uma clínica psiquiátrica. "Não se pode convencê-lo em um dia. Por isso, focamos nosso tratamento para tentar conter o vício do álcool.

Desde a última quinta-feira, Maradona está internado no Sanatório de los Arcos, em Buenos Aires, depois de sofrer uma recaída de sua hepatite tóxica.