Brasília – O presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu hoje (13), na cidade do Porto, em Portugal, a ajuda daquele país na conclusão de um acordo de livre comércio entre o Mercosul e a União Européia (UE). Lula estava acompanhado do primeiro-ministro português, José Sócrates.

"Portugal é importante motor para as negociações entre nossos blocos regionais e pode ter um papel para a conclusão de nosso acordo", afirmou Lula na abertura do seminário sobre novos negócios entre empresários brasileiros e portugueses.

Os países integrantes do Mercosul e da União Européia devem se reunir no início de 2006 para uma tentativa de retomar o processo de negociação do acordo de livre comércio, suspenso há quase um ano. Na última reunião, realizada em setembro deste ano, em Bruxelas, os blocos apenas reafirmaram a necessidade de uma relação estratégica.

A primeira tentativa de acordo entre os dois blocos foi em maio de 2004. Na época, Mercosul e UE apresentaram ofertas consideradas insatisfatórias pelos dois grupos e comprometeram-se a aprofundar concessões recíprocas. No discurso na cidade do Porto, o presidente brasileiro lembrou que o acordo precisa ser "equilibrado" para os dois lados.