A manifestantes que protestavam contra a medida provisória que fechou casas de bingos e proibiu máquinas caça-níqueis no país, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva comparou nesta quinta-feira, em Recife, a legalização dos bingos à prostituição infantil e à lavagem de dinheiro.

“Não é em nome de criar em empregos que vou legalizar o crime organizado e a lavagem de dinheiro. Se fizer isso, depois vou ter que legalizar a prostituição infantil”, declarou. “Não me peçam para cometer ilegalidades e legalizar a bandidagem”, completou.

Apesar de ter usado mais de 30% do seu mandato, Lula afirmou que está na “primeira fase” e que “tudo exige um tempo”.

“Estamos na primeira fase, preparando estrutura para o Brasil dar o passo seguinte”, disse. (Folha Online)