Luisão diz não ter nada contra jogadores naturalizados

Fabrice Coffrini/AFP

O zagueiro Luisão, reserva do Brasil na Copa do Mundo e que joga no Benfica há sete anos, afirmou nesta quarta-feira que o futebol português se aproxima tecnicamente do brasileiro e disse não ver problemas em atuar contra jogadores naturalizados.

¨O futebol português chega perto do futebol brasileiro tecnicamente. Hoje você vê jogadores na seleção portuguesa de muita habilidade, de muita criatividade¨, declarou em uma entrevista coletiva concedida no Randpark Golf Club.

¨É uma seleção tecnicamente muito forte¨, completou.

Ao ser questionado sobre a presença de três brasileiros naturalizados na seleção lusitana, Deco, Liedson e Pepe, o zagueiro afirmou não ver problemas.

¨Eu consegui meu sonho, que foi estar aqui na seleção brasileira. Agora, a gente sabe que tem jogadores que saíram cedo do Brasil, que estão em outros países e criam esta identidade¨, disse.

¨Não tenho postura contra ou a favor, é válido desde que os atletas que foram naturalizados estejam felizes¨, completou.

Luisão também elogiou a zaga titular do Brasil, formada por Lúcio e Juan, e disse que não teve chances de jogar na Copa porque os dois estão em um grande momento.

O Brasil viaja nesta quarta-feira à noite para Durban, onde enfrenta Portugal na próxima sexta-feira pela última rodada do grupo G da Copa do Mundo. A seleção do técnico Dunga precisa apenas de um empate para garantir o primeiro lugar da chave.