Aos quatro anos de idade, Adriano José Viana ganhou uma garrafa de refrigerante Crush. Para guardar aquele momento, decidiu não abrir e guardar a bebida. Semanas depois, guardou outro refrigerante. Dessa vez, seu pai guardou uma garrafa de cerveja para acompanhá-lo. Foi assim que começou a história do Caçadores de Relíquias Curityba.

Leia a matéria completa.