Mais 60 entidades cadastradas nos programas sociais da prefeitura de Curitiba recebem nesta segunda-feira (18), agasalhos, calçados e cobertores arrecadados pela Campanha do Agasalho "Doe Calor", organizada pelo Instituto Pró-Cidadania de Curitiba (IPCC), em parceira com a Fundação de Ação Social (FAS) e Instituto RPC – Comunicação e Responsabilidade.

A presidente do IPCC e FAS, Fernanda Richa, vai repassar um total de 20 mil peças que serão destinadas a entidades dos bairros Cajuru, Bairro Novo, Boqueirão, CIC, Pinheirinho e Portão.

"Já distribuímos mais de 50 mil peças e as doações têm aumentado a cada dia. Para quem doa parece pouco, mas para quem recebe faz a maior diferença", afirmou Fernanda Richa.

A Campanha do Agasalho 2005 se encerra oficialmente nesta quarta-feira (20). "Mas vamos continuar a mobilizar a comunidade para que possamos ajudar as famílias carentes em suas necessidades mais urgentes", disse.

No Disque-Solidariedade, os funcionários trabalham intensamente para separar as peças por tamanho (adulto e infantil) e por modelo (feminino e masculino). Desta vez, cada entidade receberá 10 pacotes grandes com agasalhos, um com calçados, 13 cobertores e 204 luvas de lã – estas doadas pela Receita Federal ao Instituto Pró-Cidadania de Curitiba.

Desde o início da campanha, em junho, o IPCC está repassando os agasalhos arrecadados em etapas, para atender mais rapidamente as famílias de baixa renda. O trabalho do Instituto continua durante todo o ano no atendimento às entidades, seja no repasse de alimentos, fraldas infantil e geriátrica, cadeiras de rodas, leite especial, além de material de construção e utensílios para a casa, como camas, colchões, fogões, geladeiras, talheres, entre outros itens.