Cerca de 38 mil pessoas foram evacuadas de três províncias no centro-oeste da Argentina por causa das intensas chuvas que atingem a região e que já provocaram o transbordamento de vários rios. A polícia informou que sete pessoas morreram por causa do temporal que começou há cinco dias.

A província mais afetada é Santa Fé, de onde tiveram de ser retirados 30 mil habitantes da capital Santa Fé e das cidades de Rosário e Cañada de Gómez, a 320 e 470 quilômetros ao Norte de Buenos Aires. Várias localidades estão isoladas após a queda de pontes e o avanço das águas sobre as estradas.