Brasília – Levantamento realizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), que organiza o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), revela que nos últimos três anos, desde a criação do Programa Universidade para Todos (ProUni), o número de inscrições aumentou.

Em 2004, eram 1,5 milhão de inscritos no Enem e em 2005, primeiro ano do ProUni, já eram 3 milhões. Para o Enem deste ano, que será realizado no sábado (25), 65% dos mais de 3,5 milhões de inscritos terminaram o ensino médio em anos anteriores.

O ProUni concede bolsas de estudo em faculdades particulares para estudantes de baixa renda que tenham feito no mínimo 45 pontos no Enem (média aritmética entre as provas de redação e de conhecimentos gerais).

É o caso de Diogo Batista, que terminou o ensino médio em 2004 e fez o Enem em 2004, 2005 e 2006. Com a nota do exame do ano passado, ele conseguiu uma bolsa no ProUni e cursa medicina na Universidade Católica de Brasília desde o primeiro semestre deste ano.

?Eu resolvi fazer o Enem como uma alternativa, porque concluí o ensino médio e não tinha uma bagagem forte para concorrer no vestibular de uma UnB [Universidade de Brasília, que é federal] com o pessoal que já tinha uma bagagem muito sólida", disse. E completou: ?O Enem foi muito bom para mim, porque dá mais apoio aos alunos carentes. Eu me encaixei direitinho nesse perfil?.

O presidente do Inep, Reynaldo Fernandes, disse que não é possível determinar se os inscritos fazem o Enem por causa da faculdade, mas reconheceu o aumento do número de inscrições desde a criação do ProUni. ?A gente não sabe se [quem já terminou o Ensino Médio e se inscreveu no Enem] é maioria por causa do ProUni. Mas sabe que quando o ProUni foi implementado e utilizou o Enem, em 2005, dobrou o número de inscritos para o exame?, afirmou.

A prova do Enem será realizada em 1.331 municípios do país, das 13 horas às 18 horas, com abertura dos portões prevista para as 12 horas, até 12h55. Os locais de prova estão indicados no comprovante de inscrição e podem ser conferidos no endereço eletrônico do Inep: www.inep.gov.br.

Para o exame, os estudantes devem levar documento de identificação com foto, comprovante de inscrição, caneta esferográfica preta, lápis preto, borracha e o questionário socioeconômico respondido.