A inflação medida pelo Índice Geral de Preços – 10 (IGP-10) fechou em 1,24% em maio, acusando uma elevação de 0,04 ponto percentual em relação à taxa de abril. Segundo a Fundação Getúlio Vargas, responsável pela pesquisa, mais uma vez o indicador foi pressionado pelos preços no atacado. Com o resultado de maio, o IGP-10 acumula variação de 5,13% no ano e de 6,75% em 12 meses.

O Índice de Preços no Atacado (IPA), que tem peso de 60% na formação do IGP-10, passou de 1,55% para 1,62%, entre abril e maio.

Com peso de 30% na composição do IGP-10, os preços no varejo também contribuíram para a alta. Entre abril e maio, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) passou de 0,36% para 0,44%.

Já o Índice Nacional de Custos da Construção (INCC), com peso de 10% no índice, caiu de 1,02% para 0,70%.