O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) deve publicar até amanhã (14) o edital do concurso público para 1,3 mil vagas no órgão. A realização do concurso foi um compromisso assumido pelo governo federal ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) em maio deste ano ? quando cerca de 12 mil trabalhadores caminharam de Goiânia a Brasília na Marcha Nacional pela Reforma Agrária.

O último concurso realizado pelo Incra foi em 2004, quando foram contratados 480 funcionários. Desta vez, serão abertas vagas para Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário (500), Analista Administrativo (200), Engenheiro Agrônomo (300), Técnico em Reforma e Desenvolvimento Agrário (200) e Técnico Administrativo (100).

Segundo dados do Incra, em 1995, o órgão chegou a ter quase dez mil funcionários. Atualmente, o instituto tem 5,4 mil servidores e cerca de 30% deles já estão em condições de se aposentar. A expectativa é de que as inscrições para o concurso sejam feitas ainda em outubro e o resultado das provas divulgado até o final do ano. Os salários vão variar entre R$ 3.256,01 e R$ 1.410,47.

O concurso será realizado pelo Núcleo de Computação Eletrônica (NCE), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). As inscrições poderão ser feitas pelos Correios ou pela internet, no endereço eletrônico: www.nce.ufrj.br/concursos