O mercado financeiro teve, hoje, um dia turbulento. O dólar comercial teve alta de 1,2% em relação a anteontem (R$ 2,931 para venda). A Bolsa de Valores de São Paulo despencou 5,65%, voltando ao patamar de 22 mil pontos (22.504).O risco-Brasil, medido pelo banco JP Morgan com base no valor dos títulos da dívida, piorou sensivelmente, em forte alta de 9,72%, para 485 pontos básicos. O risco chegou a subir 18% no início da tarde. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)