O Instituto Médico Legal do Distrito Federal identificou nesta sexta-feira (13) mais quatro corpos de passageiros do Boeing da Gol que caiu há duas semanas na Serra do Cachimbo. Duas das vítimas foram identificadas pelo método papiloscópico, com a impressão digital. Outras duas foram identificados pela arcada dentária.

Subiu para 144 o número de corpos já identificados. Do total, 134 já foram retirados do Instituto Médico Legal pelos familiares. Até o fim desta tarde, o IML havia recebido 149 corpos resgatados pela equipe que trabalha no local do acidente. No avião, havia 154 pessoas, entre passageiros e tripulantes.