O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou uma nova previsão para a safra de grãos de 2006. Segundo apurações do instituto, a nova previsão feita em setembro é 0,76% menor do que a realizada no mês de agosto, passando de 117,442 milhões de toneladas para 116,546 milhões de toneladas.

Apesar da redução, a estimativa indica uma safra este ano 3,53% superior à obtida no ano de 2005 (112,574 milhões de toneladas). O milho e a soja, responsáveis por cerca de 80% da produção nacional de grãos, apresentaram, em valores absolutos, os maiores ganhos de produção em relação ao ano anterior: milho 1ª safra (15,92% a mais do que em 2005), milho 2ª safra (33,08%) e soja (2,43%).

Para o trigo, principal produto de inverno, a estimativa de produção é de 2.557.364 toneladas, registrando uma significativa redução de 45,10%, em comparação com a safra do ano passado.