Os terminais de ônibus e estações-tubos de Curitiba terão segurança reforçada neste sábado (14) por causa da partida entre Atlético e Coritiba, às 18h, no Estádio Major Couto Pereira. Quarenta e oito guardas municipais, com o apoio de 24 viaturas, estarão no local para garantir a tranqüilidade de torcedores e a integridade dos equipamentos públicos. Em reunião na tarde desta quinta-feira (12), Polícia Militar, Guarda Municipal e chefes das torcidas organizadas do Coritiba e Atlético discutiram detalhes relativos à segurança do Atletiba.

Durante o encontro, o sub-comandante do 12º Batalhão da Polícia Militar de Curitiba, major Celso José Mello, fez uma exposição sobre os principais pontos do Estatuto de Defesa do Torcedor, que impõe uma série de direitos e deveres, tanto aos torcedores como aos clubes. Para o jogo deste sábado, a PM trabalhará com um efetivo de 490 policiais.

O diretor da Guarda Municipal, Gilberto Ramos de Oliveira, disse que a corporação, com apoio da Polícia Militar, está empenhada em evitar qualquer tipo de tumulto antes ou após o jogo nos terminais e nas estações tubos.

Nos últimos dois anos houve uma redução significativa no número de ocorrências em dias de clássicos de futebol em Curitiba, resultado da campanha Paz no Futebol, um trabalho de sensibilização junto aos torcedores que conseguiu praticamente acabar com brigas e atos de vandalismo em ônibus, terminais e estações tubo.

O Paz no Futebol conta com a participação da Secretaria Municipal da Defesa Social, das Polícias Civil e Militar do Estado, das torcidas organizadas e direções de Coritiba, Atlético e Paraná, da Federação Paranaense de Futebol e dos meios de comunicação da Capital.