A Área de Proteção Ambiental (APA) de Guaraqueçaba, localizada no litoral do Paraná, vai receber R$ 145 mil do Fundo Nacional do Meio Ambiente, para a implantação de um projeto pioneiro no Estado, intitulado Gestão Participativa da APA de Guaraqueçaba.

Segundo Paula Batista dos Santos, bióloga e responsável técnica pelo projeto, a idéia é contribuir para a construção de uma cultura local participativa baseada em valores e práticas estabelecidas pela própria comunidade, resultando uma melhor qualidade de vida, melhorando as formas de preservação do meio ambiente e adquirindo um desenvolvimento sustentável.

De acordo com o projeto, a prática da gestão participativa e democrática nos limites da APA, serão realizadas por meio dos moradores que atuarão em colaboração com os conselheiros, o Ibama, parceiros e apoiadores, visando a contribuição para o desenvolvimento sustentável dos municípios e demais unidades de conservação inseridas na mesorregião do Vale do Rio Ribeira-Guaraqueçaba. Ao, todo, 120 representantes das comunidades locais serão capacitados diretamente para realizar as atividades que envolvem a APA. O processo vai ser feito por meio de cursos e oficinas.

O início das atividades está previsto para Abril e terá duração de doze meses. Mais de oito mil moradores serão atingidos pelo projeto nas oito micro bacias da região.