Grupos antitabagistas e de pesquisa médica vão pedir ao Comitê Organizador da Copa do Mundo que o fumo seja proibido dentro dos 12 estádios que sediarão os jogos da Copa do Mundo. "Tabaco e esportes não combinam", afirmou o médico Gerhard Sybrecht, presidente da Fundação Alemã do Pulmão.

As autoridades alemãs preferem, por enquanto, evitar a proibição adotando medidas de alerta à população sobre os riscos que o cigarro traz à saúde. O Comitê Organizador lembrou que o fumo não é proibido em restaurantes e outros locais públicos na Alemanha.

Para os antitabagistas, que a Alemanha devia proibir o fumo pelo bem de sua imagem, já que eventuais cenas de pessoas fumando serão transmitidas por todo o mundo durante o Mundial, que começa no dia 9 de junho, com o jogo entre Alemanha e Costa Rica

Fumar dentro dos estádios foi proibido durante a Copa de 2002, no Japão e na Coréia, e a África do Sul, país-sede do Mundial de 2010, também já anunciou o veto.