O governo federal reconheceu nesta quinta-feira (19) sete áreas em quatro Estados como pertencentes a povos indígenas. Os terrenos ficam em Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul e Acre. No Senado, a manhã foi de debates sobre os direitos dos índios. Participaram da audiência pública parlamentares indigenistas e integrantes de várias tribos.

Passeata

Uma passeata reuniu cerca de 400 pessoas, incluindo índios de 12 etnias, quilombolas e representantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST), em Belém, na manhã de hoje. O ato marcou o Dia do Índio, celebrado em 19 de abril, e foi um protesto contra a falta de política pública voltada para os povos indígenas do estado.

Na manifestação, os índios entregaram a representantes do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) um documento com denúncias de extração ilegal de madeira em áreas indígenas. As informações são da TV Globo.