O Procurador geral do Estado, Sérgio Botto de Lacerda, e o secretário dos Transportes, Waldyr Pugliesi, fizeram hoje um apanhado geral das informações reunidas pelo governo do Estado sobre os contratos com as concessionárias do pedágio. O governo está procurando brechas jurídicas que possam justificar a alteração ou até a anulação dos contratos. Até o final da semana, Botto de Lacerda pretende ter um primeiro encontro oficial com os representantes das empresas para tentar um acordo que resulte na redução das tarifas de pedágio cobradas no estado. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)