Cerca de 110 profissionais da área de saúde do trabalhador da Região Sul estão reunidos nesta terça e quarta-feira (20 e 21) no Hotel Lancaster, em Curitiba, para discutir a implantação da Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador (Renast), que é a principal estratégia da diretriz da Atenção Integral de Saúde do Trabalhador do Ministério da Saúde.

As ações de saúde do trabalhador foram discutidas em 1.243 conferências preparatórias municipais e estaduais para a Terceira Conferência Nacional de Saúde do Trabalhador, que aconteceu em 2005.

A representante da Coordenação Nacional da Saúde do Trabalhador, Maria da Graça Hoefel, diz que neste ano as prioridades são a difusão dos resultados da Conferência, a implantação do sistema de informação e a capacitação do Sistema Ú de Saúde para os diagnósticos e o tratamento das principais doenças ocupacionais. Para isso, o Ministério está investindo mais recursos para que as ações da Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador tenham continuidade e sejam incorporadas na rotina do SUS.

Segundo ela, desde o ano passado está sendo feita uma avaliação em todos os Estados brasileiros. ?O Ministério da Saúde vai avaliar o funcionamento da rede em cada Estado, a composição e capacitação das equipes, a aplicação dos recursos, as ações desenvolvidas, bem como o impacto delas na população, o controle social e as principais dificuldades encontradas?, afirma ela.

Para Cezar Benoliel, diretor do Centro Estadual de Saúde do Trabalhador (Cest), o Governo Federal precisa fortalecer os setores para as ações de Saúde do Trabalhador, que envolva todos os ministérios interessados, como o da Saúde, o da Previdência e o de Trabalho.

A Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador dá prioridade este ano para a criação de mais oito Centros de Referência em Saúde do Trabalhador no Paraná. Atualmente existem dois, o Centro Estadual de Saúde do Trabalhador, que serve de referência para todo o Estado, e outro em Londrina, que tem uma área de abrangência para 97 municípios.