O governador Roberto Requião assinou nesta semana o decreto de nomeação de 1.370 professores aprovados em concurso público. Os profissionais vão atuar no ensino básico (fundamental e médio), em classes de educação especial, em municípios de 32 núcleos regionais da Secretaria da Educação. De acordo com a Secretaria da Educação, desde 2003 foram abertas 34.068 vagas em concursos públicos para professores da rede estadual de ensino.

Os professores vão integrar o Quadro Próprio do Magistério (QPM), ou seja, estão sendo admitidos sob o regime estatutário e contemplados com todos os benefícios (promoções e progressões, por exemplo) previstos no plano de cargos e salários implementado pelo atual governo.

Os aprovados substituirão profissionais que foram contratados sob o regime celetista, e que não têm a estabilidade, segurança e vantagens na carreira estabelecidas para o pessoal do QPM.